Seguidores

domingo, 27 de dezembro de 2015

Nós na Revista - Leia mais no Natal



Esta semana a decoração de Natal de monha residência foi tem da Revista O Polo, aqui de Mogi Guaçu. Está bem que eles erraram meu sobrenome, acabei virando Silva por lá, mas o que importa é que nosso trabalho Cultural foi sintetizado de forma real e que minhas palavras não foram mudadas, o que já mostra a seriedade da Revista...
Ao ser entrevistado fui respeitado e ao ver a Reportagem também me senti assim. As pessoas não agradecem quando recebem algo especial como o Respeito, mas valorizo isso e agradeço o interesse da Revista em meu trabalho e a forma como a reportagem foi produzida. A Revista está de Parabéns...
Quanto a vocês que acompanho nossas redes sociais, se querem ler a reportagem na íntegra, podem entrar no site da Revista, ler e compartilhar, se assim o desejarem...
Fiquem com parte da reportagem...
Abraços e até mais...


Novidade muda rotina do Bela Vista e pessoas podem doar livros.

O empresário Sérgio Carlos da (sic) Silva, 48, é paulistano e mudou-se para Mogi Guaçu em abril de 2015. “Sofremos uma tentativa de assalto e (sic) seqüestro relâmpago onde morava em São Paulo. Ter mais segurança fez com que eu me transferisse para cá. Hoje, posso dar uma volta tranqüila pelo quarteirão e cumprimentar os vizinhos. Coisas que foram esquecidas em meu antigo local de morar”, conta.Trabalhando com o ramo de decoração há 20 anos, Sérgio Carlos sempre enfeitava a frente de sua casa em Guaianases, zona lesta da capital paulista. “Minha casa era conhecida como a casa do Papai Noel”Para manter a tradição, fez o mesmo com a entrada de sua residência na rua José de Paula, Bela Vista, a cerca de 15 dias, e surpreendeu os moradores de Mogi Guaçu pela inovação e o respeito com que a população está tendo. 
Continue lendo AQUI

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Feliz Natal

       
               Natal, dia especial. Aniversário de uma pessoa que soube amar como poucos.
               Jesus, o Aniversariante do dia, mostra-nos algo especial. Um Deus que desceu ao mundo e se fez homem,  não para tirar algo dos homens, mas para dá-los. E dar algo especial, algo que o próprio homem perdeu, o ELO com o Divino. Por causa do pecado de um, Adão, nós todos acabamos tendo por destino não só a morte, mas perdemos também a ligação direta com o Criador. Jesus quando se deu por nós, para viver entre nós, abriu mão de sua deidade e se tornou um humano passível das mesmas dores, angústias e decepções que nós, porém, o que nos diferencia de Jesus é nossa forma de amar. Jesus amava e ama, doando e sem esperar nada de retorno, nós amamos pedindo algo em troca. Para nós receber algo em troca de nosso amor é muito importante. Tanto é que vivemos ouvindo reclamação de ingratidão alheia. Não entendemos que amar é como jogar semente ao Rio, ela se vai e aparece longe, onde germina, cresce e frutifica e de uma forma ou de outra acabamos por receber de volta o bem que fizemos a outro. Ou nós ou alguém que amamos.
             Pensar no Amor de Jesus nos transforma, principalmente se decidimos amar como Ele nos amou. E nosso Desafio hoje, para este Natal, é sim comemorar o Aniversário de Jesus, mas antes de tudo, amar ao próximo como se fosse nós mesmos e não como se fosse um de nós.

Feliz Natal
Do amigo Apóstolo Sergio Silveira e ICO - Casa de Oração - Brasil

Receba as mensagens no seu Email